Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Google-Translate-Portuguese to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese
ONLINE
2


Partilhe esta Página

 


GARRY KASPAROV
GARRY KASPAROV

 

Garry Kasparov (em russo: Га́рри Ки́мович Каспа́ров; pronúncia russa AFI: [ˈɡarʲɪ ˈkʲiməvʲɪtɕ kɐˈsparəf], nascido com o nome Garry Kimovich Weinstein, Baku, 13 de abril de 1963) é um Grande Mestre e ex-campeão mundial de xadrez, escritor e ativista político nascido na República Socialista Soviética do Azerbaijão, União Soviética (atual Azerbaijão). É considerado por muitos o maior enxadrista de todos os tempos.
Kasparov foi o jogador mais novo a se tornar campeão mundial de xadrez em 1985, quando tinha 22 anos na final do mundial. (Em 2002 Ruslan Ponomariov com apenas 18 anos se tornou o mais jovem Campeão Mundial de toda história do xadrez.) Manteve o título mundial de melhor jogador oficial da Federação Internacional de Xadrez até 1993, quando uma disputa com a FIDE levou-o a criar uma organização rival, a Professional Chess Association. Ele continuou a vencer o Campeonato Mundial de Xadrez Clássico pela PCA, até ser derrotado por Vladimir Kramnik em 2000 sem ganhar sequer uma única partida. Garry também é largamente conhecido por ser o primeiro campeão mundial de xadrez que jogou uma partida contra um computador, quando perdeu para o Deep Blue em 1997.
As conquistas de Kasparov incluem ser classificado como o número um do mundo de acordo com o rating ELO quase continuamente de 1986 até sua aposentadoria em 2005. Ele mantém, também, o recorde de Chess Oscars, tendo recebido o prêmio onze vezes.
Entre 1984 e 1990, Kasparov foi membro do Comitê Central de Komsomol e membro do Partido Comunista da União Soviética. Ele anunciou sua aposentadoria do xadrez profissional em 10 de março de 2005, para dedicar seu tempo à política e à escrita. Formou o movimento United Civil Front, e tornou-se membro do The Other Russia, uma coalizão de oposição à administração de Vladimir Putin. Ele foi candidato para presidente nas eleições de 2008, mas depois desistiu. Ele foi barrado por falta de encontrar um espaço suficientemente grande de aluguel para montar o número de adeptos que está legalmente exigidos para endossar tal candidatura o levou a se retirar. Kasparov culpou "obstrução oficial" para a falta de espaço disponível. Embora ele é amplamente considerado no Ocidente como um símbolo da oposição a Putin, ele foi impedido de o escrutínio presidencial. O clima político na Rússia supostamente faz com que seja difícil para os candidatos da oposição para organizar.
Embora altamente considerado, no Oriente, como um símbolo de oposição a Putin, o apoio de Kasparov na Rússia era fraco.
Em 14 de abril de 2007 Kasparov foi preso com quase outras 200 pessoas ao participar de um protesto contra o Kremlin, e ficou detido por cerca de dez horas, além de ter sido multado em mil rublos. Em novembro do mesmo ano, foi novamente preso, em um protesto contra Vladimir Putin e ficou detido desta vez por cinco dias.
Ele é atualmente presidente da Fundação de Direitos Humanos e preside seu Conselho Internacional.

topo